A rodovia liga Cachoeiro de Itapemirim ao município de Alegre e é uma das mais movimentadas do sul do estado.

duplicacao-es-482-cachoeiro-itapemirim
A duplicação da ES 482 vai gerar 230 empregos diretos e representa uma vantagem logística para a economia de Cachoeiro de Itapemirim e municípios vizinhos. Foto: Leonardo Duarte / Secom-ES

Após seguidos atrasos e paralisações, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES) reiniciou nesta quinta-feira (14) as obras de duplicação da ES 482. O trecho de 11 quilômetros a ser duplicado liga a sede de Cachoeiro de Itapemirim ao distrito de Coutinho. A obra vai beneficiar a economia de Cachoeiro, que se destaca na produção de pedras ornamentais, e de outros municípios da região, como Jerônimo Monteiro, Alegre e Guaçuí.

Além da duplicação, serão construídos neste trecho um viaduto no entrocamento com a ES 166, uma passarela em frente ao campus do Ifes, bem como ciclofaixa, faixa multiuso e calçada ao longo dos 11 quilômetros de rodovia.

Segundo o DER-ES, a obra está orçada em R$ 51 milhões e a previsão é que seja entregue em outubro de 2017.

http://jornaltempodenoticias.com.br/wp-content/uploads/2016/04/duplicacao-es-482-cachoeiro-itapemirim.jpghttp://jornaltempodenoticias.com.br/wp-content/uploads/2016/04/duplicacao-es-482-cachoeiro-itapemirim-150x150.jpgHermann MoraesGeralAlegre,Cachoeiro de itapemirim,ES 482,RodoviasA rodovia liga Cachoeiro de Itapemirim ao município de Alegre e é uma das mais movimentadas do sul do estado. Após seguidos atrasos e paralisações, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER-ES) reiniciou nesta quinta-feira (14) as obras de duplicação da ES 482. O trecho de 11 quilômetros a ser...Últimas notícias do Espírito Santo, Brasil e do Mundo

Comentários